Quem é a Mary? As mulheres por detrás da marca | Miss Mary of Sweden
Passar para o conteúdo principal
Refunded Returns

Quem é a Mary? As mulheres por detrás da marca

O que seria a Miss Mary sem todas essas mulheres fantásticas? Não apenas as nossas estimadas clientes, mas também as nossas excelentes colaboradoras. Na realidade, nem sequer existiríamos se não fosse uma certa mulher, a Mary. Sim, foi dela que recebemos o nosso nome. Hoje, convidamos as nossas leitoras a encontrar algumas das mulheres por detrás da Miss Mary of Sweden.

Consagramos imenso tempo a descrever os nossos elegantes produtos que nos enchem de orgulho. É escusado dizer que estamos igualmente orgulhosas das nossas colaboradoras. Sem elas não poderíamos oferecer a qualidade que ambicionamos para os nossos produtos e serviços. Portanto, não é mais do que justo apresentar alguns dos rostos por detrás da marca, as pessoas que criam uma ideia e a transformam num produto acabado.  

Sabia que quando recebe nas suas mãos um soutien da Miss Mary, esse soutien praticamente só passou pelas mãos de outras mulheres? De designers e modelistas, a costureiras, riscadoras e cortadoras de moldes, sem esquecer o pessoal de embalagem e do serviço de atendimento, a Miss Mary of Sweden é composta por mulheres diligentes e altamente profissionais.


A fantástica equipa da Miss Mary of Sweden em dezembro de 2019.

A MULHER QUE COMEÇOU TUDO
É graças a uma mulher chamada Marwel Rydström que hoje podemos usufruir das roupas Miss Mary. Mais conhecida por Mary, foi ela quem fundou a empresa em 1957 juntamente com o seu marido Ingemar Rydström.

Nos primeiros anos de atividade, a empresa chamava-se Mary’s Modehus (Casa de Moda da Mary) e estava vocacionada para a venda por correspondência de vestuário feminino. A roupa interior de senhora – o produto que hoje define a marca – só foi lançada em 1962 e constituiu um sucesso imediato. Leia mais sobre essa coleção aqui.


A mulher que começou tudo - Marwel ”Mary” Rydström

Os vestidos, casacos compridos e outro vestuário eram confecionados no atelier, ou seja, a peça completa era costurada por uma e mesma costureira na cidade natal da empresa em Borås. “Diretamente das mãos da costureira para as suas”, era o slogan que utilizávamos. As peças distinguiam-se pela elevada qualidade a preços mais baixos do que os praticados pelas marcas de qualidade equiparáveis. Antes de fundar a empresa, a Mary já tinha desenhado e criado muitas roupas para as amigas e pessoas conhecidas. A empresa abria-lhe a oportunidade de oferecer as suas criações a um público mais vasto. Prescindindo de intermediários e de lojas, os preços eram mantidos baixos por meio da venda direta através de catálogos próprios.
 


No início, a empresa chama-se “Casa de Moda da Mary”.

LIDERANÇA FEMININA
Apesar de não ser diretora-executiva – o marido ocupava essa função – era a visão criativa da Marwel e as suas coleções que deixavam o seu cunho na marca Miss Mary. A nossa primeira diretora-executiva chamava-se Zora Eliasson e entrou em funções em 2007. Deixou a empresa em 2017, passando o testemunho a Elisabeth Sandström, a nossa atual diretora. Elisabeth Sandström iniciou a transformação da Miss Mary, de uma empresa de vendas por correspondência clássica à moderna empresa de comércio eletrónico que somos hoje. Se nos segue nas plataformas Facebook ou Youtube, certamente que já viu a Elizabeth em alguns nossos videoclips a apresentar as suas peças preferidas.

Atualmente, vendemos os nossos produtos através do canal de comércio eletrónico próprio ou através das lojas em linha e dos catálogos dos nossos revendedores. O nosso catálogo continua a ser publicado na Suécia e na Noruega, para agrado das nossas clientes. Se folhear um dos catálogos, vai reparar que na página 2 existe sempre uma crónica da nossa diretora-executiva Elisabeth Sandström. Não se trata, porém, de uma inovação editorial. Esse tipo de textos sempre figurou em quase todos os catálogos da Miss Mary, desde o início. Quando trabalhava como designer e diretora criativa na Miss Mary, nas décadas de 1950-1980, era a Marwel quem escrevia os editoriais e assinava-os com a frase “Saudações da Miss Mary”. É uma enorme satisfação ler esses textos hoje. Em baixo, alguns excertos dos catálogos de década de 1970.

Durante vários anos, as crónicas dos catálogos tinham também a assinatura da conhecida designer de lingerie Camilla Thulin, a qual trabalhou na Miss Mary durante cerca de 10 anos.


As reflexões de Camilla Thulin extraídas do catálogo de inverno de 2008.


A nossa equipa de design em Borås – Marie-Louise Asphäll, Anne Nero e Ing-Marie Axelsson.

No centro da atividade da Miss Mary estão, naturalmente, as coleções da marca. Atualmente, constam essencialmente de soutiens e de outras peças de lingerie. A criação de roupa interior não é um trabalho a solo. Exige uma colaboração estreita entre a designer, a diretora de moda (desenha os moldes e responsabiliza-se pelo corte em todos os tamanhos) e a costureira de amostras.

A razão que nos levou a ter mulheres na construção dos moldes e que se responsabilizam pelo corte e o conforto das peças, é que apenas as mulheres sabem, por experiência própria, quanto inconfortável pode ser um soutien que não assente bem. Além de recorrermos a um painel de mulheres para as provas, provamos nós mesmas os nossos produtos. É importante poder assumir a responsabilidade pelo corte e a qualidade das peças. Leia mais sobre o nosso departamento de design e a arte de criar um soutien aqui.
 

Se tiver dúvidas sobre a melhor maneira da sua roupa interior assentar confortavelmente, recomendamos que contacte o nosso serviço de atendimento às clientes. O atendimento é prestado essencialmente das nossas instalações em Borås, sob a direção da diretora Ida Hallberg, mas temos também um serviço de atendimento na Noruega. Consideramos importante que o pessoal do serviço de atendimento sejam mulheres, dado que muitas clientes podem achar difícil falar de peitos e soutiens com um homem desconhecido. A fotografia abaixo mostra algumas funcionárias do nosso serviço de atendimento. A partir da esquerda: Leontine, Jessica e Frauke.

Sem as nossas clientes seria impossível continuar a trabalhar com o que mais gostamos - prestar apoio a outras mulheres. Nada nos faz mais orgulhosas, nada nos dá mais energia e nada nos torna mais gratas do que saber que as peças que criamos fazem realmente a diferença na vida de muitas mulheres.

Somos todas iguais, mas diferentes. Vista a sua roupa interior para seu belo prazer. 

Adicionar novo comentário

Plain text

  • Não são permitidas tags HTML.
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.